14 de fevereiro de 2022

Nerd Cult News

O seu blog preferido de Cultura Pop

2ª temporada de Jujutsu Kaisen é anunciada, mas será que vale a pena ler o mangá enquanto espera?

2 min read

Durante um evento do estúdio MAPPA neste sábado (12), a tão aguardada 2ª temporada de Jujutsu Kaisen foi finalmente anunciada e tem seu lançamento previsto para 2023.

Jujutsu Kaisen é uma obra que vem fazendo muito sucesso desde sua adaptação para anime. Logo após o término da primeira temporada — que fez bastante sucesso —, foi anunciado um filme: Jujutsu Kaisen 0, que contou a história que antecede os acontecimentos que vimos na animação.
Por conta dessa espera dos próximos lançamentos, os mangás passaram a ser o foco dos novos fãs de Jujutsu Kaisen. Dito isso, hoje viemos responder essa pergunta: vale apena migrar do anime e ler o mangá de Jujutsu?
Em Jujutsu Kaisen temos o jovem Yuuji Itadori, que é um aluno do ensino médio, membro do clube de ocultismo. Os amigos de Yuuji e membros do clube, descobrem um talismã escondido na escola, o mesmo está sendo procurado pelo pessoal da escola técnica superior de Jujutsu de Tokyo (que são pessoas que lutam contra maldições), mas após um grande incidente, Yuuji acaba ingerindo o talismã e é possuído por Sukuna, o rei das maldições. Sendo o único capaz de controlá-lo, ele entra para a escola de Jujutsu, a fim de encontrar as partes restantes do talismã e derrotar a maldição.
Ao iniciar a leitura, assim como a maioria dos shonens que estão sendo lançados atualmente, Jujutsu nos deixa com um pé atrás se realmente vai ser bom ou não, principalmente em questão das maldições, que poderiam ser bem mais sombrias e pela história seguir um ritmo mais lento no começo, entretanto, logo de cara percebemos como a obra é promissora. Os personagens são apresentados de forma bem interessante e, de início, já podemos ver que cada um deles tem muito a ser explorado.
Ao decorrer dos capítulos, a história vai se tornando bastante intensa, mostrando uma grande evolução, tanto no desenvolvimento dos personagens, quanto no próprio enredo em si. Finalmente vemos que a obra vai trabalhar bem seu potencial e já começamos a enxergar os traços de originalidade, que é um dos fatores mais importantes em shonens. Jujutsu quebra um pouco da expectativa e começa a trilhar um caminho que foge dos clichês previsíveis de outros mangás do gênero.
Vale a pena confiar que a obra vai se tornar um shonen super interessante, que nos instiga a acompanhar o seu desenvolvimento. A história vai se tornando cada vez mais frenética e gostosa de se ler, deixando sempre aquele gosto de “eu preciso de mais” no final de cada capitulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Uma empresa criadora de conteúdos nerds e agora também um clube de assinatura.