22 de abril de 2022

Nerd Cult News

O seu blog preferido de Cultura Pop

Crítica | 5º episódio de Halo mostra seu potencial escondido

5 min read

Com um episódio fantástico como esse, podemos dizer que Halo veio para ficar. Basicamente tudo o que os fãs estavam pedindo aconteceu: muita ação e pouca conversa. Porém, mesmo tendo bastante ação, não podemos deixar passar o começo do episódio que foi um destaque interessante e mostrou o quanto a UNSC e a Dra. Halsey tem sujeira em suas mãos. Para você entender vamos explicar.

O programa Spartan da Dra. Halsey teve como inicio o rapto de crianças com base de 8 a 10 anos de idade, uma época de evolução dessas crianças. No episódio, é mostrado ela e o Capitão Jacob Keyes, indo até o Planeta Eridanus II, quando John ainda era um jovem. Lá eles encontram algumas crianças, nesse momento eles estão procurando futuros candidatos para o programa Spartan, e a surpresa foi eles terem encontrado John enquanto ele salvava um colega, mostrando sua força e coragem.

Saiba mais:

Conheça os Spartans, os super soldados de Halo

Até ai ok, descobrimos mais sobre o passado e o quão problemático foi o processo de criação dos Spartans. Mais a frente, John fica se questionando sobre o passado e Cortona tenta impedi-lo de ir a frente nesse assunto, mas após ter uma conversa com o Capitão Jacob e tendo visto ele com a Dra. Halsey, ele decidiu dar um ponto final nessa história, indo direto no segundo artefato e descobrindo que ele foi sequestrado e enganado esse tempo todo.

Agora sabendo de boa parte da verdade, ele e Halsey se confrontam e quando ela pede para ter paciência, que quando eles voltarem ela explicará tudo, ele simplesmente ignora e parte para cima dela, mas é paralisado pela Cortona, o impedindo de concluir a agressão.

Temos duas partes que eram aliadas basicamente e um conflito direto e sem controle, mostrando que a própria Halsey está em uma sinuca de bico e não sabendo mais o que fazer. Mas esse não foi todo o problema para ela.

A personagem Halsey sem dúvida é a mais intrigante, sempre envolto de mistério e sujeira do passado, acompanhar a evolução dela é muito interessante dentro da série e também como tudo isso terminará para ela, pois não pense que ela é boazinha não, muito pelo contrário, ela fará qualquer coisa para obter os resultados que ela deseja, e quando falando tudo, é tudo mesmo.

Outra personagem que está se destacando é a filha de Halsey, Mirando se mostra muito mais humana e mais entusiasmada para certas situações, mesmo tendo muito de sua mãe em seu gênio. Já seu pai o Capitão Jacob é um soldado promissor e bem articulado, mas que também tem segredos do passado nada agradável, mas é um único que realmente está junto de sua filha e mostrando o caminho para ela sem que ela se machuque, e isso fica bem claro nesse episódio.

A Spartan Kai-125, acaba se mostrando uma preocupação para Chief, ele nota que ela sofreu alguma mudança e após uma conversa com ela, mostra que ela pode ser um perigo para o grupo e a dispensa. Ele acaba mostrando que estava certo mais a frente no episódio.

Um pouco antes de Chief e Halsey acabarem discutindo, o grupo que estava trabalhando no artefato, acaba cutucando o artefato que estava dentro de uma camada protetora, muito parecido com vidro sólido, mas após um descuido com um bisturi a laser, esse vidro acaba quebrando, soltando uma onda sonora forte o suficiente para danificar toda a parte tecnológica do local e atordoando todos ao redor. E o problema só aumentou, por causa disso, os Covenant que estavam no Planeta Madrigal acabam percebendo essas ondas e a Abençoada sentindo o artefato, tendo uma visão do local. Agora sabendo disso eles partem para Eridanus II.

E é aqui que a coisa pega fogo, após Chief atacar Halsey e cair desmaiado, ele acorda e ao mesmo tempo os Covenant chegam, dando um estalo nele fazendo com que eles tirem o artefato do local. Nesse momento vemos o porque ele é o Master Chief, sem piedade e sem medo ele comando todos os soldados ao seu lado e seu esquadrão Spartan com muita frieza.

Nesse ponto vemos o quão a produção está empenhada em trazer o melhor da franquia para a série, mostrando várias espécies dos Covenant, como os Grunts e os Jackals, seres muito comuns na série de jogos. A série quis mostrar o quão especial Master Chief é, durante as cenas da batalha vemos muitos partes bem interessantes que vemos nos próprios jogos, colocando em xeque o comentário dos produtores, dizendo que nunca jogaram ou se quer viram como os jogos funcionam. Se isso é verdade então eles estão acertando em cheio, imaginando como seria no jogo.

Nessa parte do episódio foi fantástico, com cenas de ação muito bem produzidas e com efeitos especiais e práticos sensacionais, não tinha como não desviar o olhar da tela e a apreensão que ela te entrega é muito gratificante, onde você fica torcendo do começo ao fim para que tudo de certo.

E como falei algumas espécies dos Covenant apareceram, e como foi falado os Grunts, Jackals e os Elites que acabei não mencionando antes apareceram para a batalha, basicamente as três espécies que estão sempre na linha de frente de um combate, mas a surpresa foi um Brutos aparecer em meio a batalha, mostrando o quão perigoso é essa criatura e quão Chief terá trabalho contra eles. Esses seres são grande e fortes, que veem as outras espécies como insetos.

No final temos a grande surpresa quando Chief e a Abençoada acabam ficando frente a frente. Agora teremos mais uma situação nas mãos do nosso protagonista, onde já está tudo muito problemático e confuso para ele. Vamos ter que esperar até o próximo episódio para saber o que vai acontecer com os dois no mesmo ambiente.

E como venho falando em outros episódios, a fotografia, os efeitos visuais, especiais, práticos e figurino mostram toda a qualidade dessa série, realmente a produção está mostrando o quão impressionante essa franquia é com todo esse espetáculo de cenas.

O ponto negativo desse capítulo foi o tempo, piscou acabou, isso porque esse foi o episódio mais curto até o momento, com apenas 39 minutos, enquanto os outros quatro tinham em média 54 minutos. Mas isso não estraga em nada, mostrando que o que precisava ser mostrado foi mostrado.

Lembrando que os episódios saem todas as quintas ás 5 horas, na Paramount+

Nota: 9,5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Uma empresa criadora de conteúdos nerds e agora também um clube de assinatura.