7 de abril de 2022

Nerd Cult News

O seu blog preferido de Cultura Pop

Halo | Conheça um pouco mais sobre Cortona, o destaque do terceiro episódio da série

2 min read

Cortona é uma Inteligência Artificial criada para um único objetivo: ajudar a humanidade na guerra contra os Covenant. Mas isso não é tudo, por ser senciente, ela acaba criando a sua própria história junto de Master Chief.

Sua primeira aparição foi no jogo Halo: Combat Envolved, de 2001, onde ela foi introduzida para ajudar o Spartan Master Chief em sua missão para destruir o Anel Halo, uma arma criada para devastar a galáxia.

No inicio ela era apenas uma bússola para o Spartan, mas com o passar dos anos com os novos jogos ela se tornou uma personagem muito importante para a trama que se desenrolava. Por muitas vezes foi ela quem salvou o mundo, enquanto Master Chief abria caminho para a conclusão da história.

O projeto original da Cortona foi baseado na rainha egípcia Nefertiti e também é nome de uma antiga espada nórdica. Ela foi representada de forma holográfica azul para o público e durante o jogo em si, a função primária dela é fornecer bastidores e informações táticas, ou seja, uma ajuda grande para o jogador em questão.

Ela fez parte de alguns jogos da franquia, sendo eles:

  • Halo: Combat Evolved;
  • Halo 2;
  • Halo 3;
  • Halo 4;
  • Halo 5: Guardians;
  • Halo Infinite.

Na série Halo, produzida pela Paramount Plus, Cortona surge de forma totalmente única e diferente. Lá a vemos primeiramente como um clone da Dra. Halsey e, após uma cirurgia, onde o cérebro dela é retirado e colocado dentro de um sistema, ela acaba se transformando na Cortona que todos conhecem. Porém, a forma que trouxeram para a série é bem mais interessante e bonita visualmente, o CGI que estão usando na série muda bastante a forma que ela era representada nos games.

Natascha McElhone – Dra. Halsey na série Halo.

Interpretada pela atriz Natascha McElhone que faz também a Dra. Halsey na série, deixou a personagem muito mais natural e interessante. Também foi modificada a questão da coloração da personagem, saindo do total azul dos jogos e indo para uma coisa mais semelhante aos humanos. Muitos fãs amaram essa mudança, mas aqueles fãs mais raiz acabaram detestando ou no mínimo não gostaram, mas estão dando uma chance.

 

 

 

Não deixe de ler a nossa crítica do terceiro episódio da série:

Critica | Halo episódio 3: Cortona está entre nós

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Uma empresa criadora de conteúdos nerds e agora também um clube de assinatura.